Vozes e Músicos III

08:47

Cesária Évora




Nascida a 27 de Agosto de 1941, Cesária Évora, também conhecida como a diva dos pés descalços, é a cantora cabo-verdiana de maior reconhecimento internacional de toda história da musica popular e tradicional de Cabo Verde. O género musical com o qual ela é maioritariamente relacionada é a morna, por isso também recebe o apelido de Rainha da morna (mesmo tendo sido bastante sucedida com diversos outros géneros musicais).


História
Cesária Évora nasceu no ano de 1941 na cidade de Mindelo, em Cabo Verde. Tinha mais quatro irmãos. Seu pai Justino da Cruz tocava cavaquinho, violão e violino e sua mãe, Dona Joana, trabalhava em cozinhas de brancos (ricos) que - particularmente - adoravam sua comida. Sua mãe, de personalidade pensativa, foi sua confidente por toda sua vida.

Cesária (Cise para seus amigos) sempre cantava uma infinidade de canções e fazia apresentação aos domingos na praça principal do Mindelo acompanhada por seu irmão Lela, no saxophone. Mas sua vida estava intrisicamente ligada ao bairro Lombo, que havia sido ocupada pelo exército português. Lá ela aprendeu sobre a vida e cantou com compositores como Gregório Gonçalves (Ti Goy), um homem carismático e que adorava teatro de rua.

Aos 16 anos conheceu um marinheiro chamado Eduardo que a ensinou os tradiconais estilos de música cabo-verdeanas como a morna e a coladera. Évora começa a cantar em bares e hotéis, e com a ajuda de alguns musicos locais ganha estímulo a desenvolver suas habilidades e logo já é proclamada a Rainha da morna por seus fãs. Ela se torna bastante famosa em Cabo Verde, mas internacionalmente seu recohecimento ainda era pequeno.

Aos vinte anos foi convidada a trabalhar como cantora para o Congelo - compania de pesca criada com capital local e português - e ficou emocionda ao poder fazer parte do que ela considerava uma notável empresa. Seu salário vinha de suas apresentanções que eram basicamente em jantares. Fora esse tempo Cesária era uma mulher comum.

Entre os amigos de Évora, estava um dos maiores compositores cabo-verdianos de sempre - B.Leza, o qual faleceu quando ela tinha apenas sete anos de idade.

Em 1975, quando Cabo Verde tornou-se independente, Cize ainda era popular na época mas sua fama não a estava levando em direção ao sucesso financeiro. Frustrada por questões pessoais e financeiras, aliados à dificuldade econômica e política de Cabo Verde, ela desistiu de cantar pra sustentar sua família. Cize ficou sem cantar por dez anos, os quais ela descreve como seus "negros anos". Durante esse tempo ela lutou contra o alcolismo.

Césaria Évora retomou suas apresentações após ter sido encorajada por Bana (líder, então da banda Voz de Cabo Verde e empresário cabo verdeano exilado em Portugal). Bana convidou Cesária Évora para realizar concertos em Portugal, os quais ela aceitou e o fez com patrocínio da OMCV (Organização das Mulheres de Cabo Verde). A OMCV conseguiria a gravação de um LP, em que Cesária Évora participou, abriando, assim, os seus horizontes.




Em Cabo Verde, José da Silva persuadiu-a para ir a Paris, onde acabaria por gravar um novo álbum em 1988 La diva aux pied nus (a vida dos pés descalços) - que é como se apresenta nos palcos. Esse álbum foi aclamado pela crítica e Cesária Évora se encontrou numa dramática volta à música e que teve como ápice a gravação do álbum Miss Perfumado em 1992. Tornou-se estrela internacional aos 47 anos de idade.

Em 2004 conquistou um prêmio Grammy Award de melhor álbum de world music contemporânea.

Em 2007, o presidente francês Jacques Chirac distinguiu-a com a medalha da Legião de Honra de França.


Discografia

1988 - La Diva aux pieds nus
1990 - Distino di Belita
1991 - Mal Azul
1992 - Miss Perfumado
1994 - Sodade, Les Plus Belles Mornas De Cesaria
1995 - Cesária
1997 - Cabo Verde
1998 - Best Of
1999 - Café Atlântico
1999 - Remixes Par François K. & Joe Claussell
2001 - São Vicente de Longe
2002 - Cesária Evora Anthology
2002 - The very Best Of
2002 - Live in Paris (DVD)
2003 - Voz d'Amor
2003 - Club Sodade - Cesaria Evora by...
2006 - Rogamar

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images